A importância de reciclar o metal duro

 In Sem categoria

Em um mundo em que cada vez mais é necessário pensar em sustentabilidade, é preciso avaliar a importância de reciclar o metal duro. Afinal são materiais de alto valor como níquel, cobalto, tântalo e outros.

As sucatas de metal duro, normalmente, são colocadas em recipientes adequados para serem levadas à reciclagem. Além da reciclagem possibilitar o uso de ferramentas “menos” nobres, por exemplo: bicos de jateamento e calços, existem hoje processos com adição de zinco que recupera o tungstênio nas ferramentas usadas e sua reconversão em pó, suficiente para voltar ao processo de sinterização.

Na prática, um equipamento de metal duro pode ter cerca de 20% de material reciclado sem causar nenhum desgaste nas características.

O importante é que as empresas de usinagem pensem e levam à sério a reciclagem e, que cada vez mais evoluam seus processos pensando nesses materiais reciclados.

Leia também: 03 dicas para contratar um bom fornecedor

 

Últimas Notícias

Start typing and press Enter to search